Curso online de Musculação do Iniciante ao Avançado

quinta-feira, 12 de novembro de 2015

11:57:00

5 livros sobre Treinamento Funcional que você deveria ter


O treinamento funcional é uma modalidade usada e praticada em academias, parques e espaços de atividade física de todo do país.  E existe várias formas de praticá-lo.

Por isso, separamos 5 livros sobre várias formas de Funcional, trazendo várias abordagens. São livros que tem preços variados e podem ajudar muito o desenvolvimento profissional e de aulas desse assunto.

Para ter maiores informações sobre cada livro, basta clicar na capa deles.

Livro - Treinamento Funcional com Bola

É uma proposta versátil e, ao mesmo tempo, lúdica, o que diferencia este programa de outros. Promove estímulos globais e harmoniosos para nosso corpo, ao mesmo tempo que conquista mais adeptos a cada dia; favorece e estimula a prática de exercícios físicos, para que, assim, o praticante possa contribuir com sua própria recuperação e bem-estar. É um livro essencial para todos os profissionais focados e comprometidos com a manutenção e aprimoramento da saúde.

Livro - Treinamento Funcional para Mulheres: Potência, Força, Resistência e Agilidade

Esta obra traz todas as informações necessárias para o desenvolvimento de um programa estruturado de treinamento funcional para o público feminino.
Com o objetivo de possibilitar a aplicação prática de todo o conteúdo teórico, apresentam-se exercícios amplamente ilustrados e modelos de periodização que contemplam as características fisiológicas próprias das mulheres.

Livro - Avanços No Treinamento Funcional

Considerando o treinamento funcional como aquele que produz ganho de rendimento na atividade principal do atleta, o livro detalha o sistema desenvolvido pelo autor, cujo treinamento é voltado para o aumento do rendimento esportivo e a redução de lesões, ou seja, com a aplicação de conhecimentos científicos em anatomia funcional, fisiologia e biomecânica.

Livro - Guia Completo de Treinamento Funcional

O Guia Completo de Treinamento Funcional é fruto do conhecimento e das experiências que Luciano D Elia acumulou ao longo de 14 anos de trabalho pioneiro com Treinamento Funcional no Brasil. A obra fundamenta-se num conceito de treino que se aplica a praticantes de todas as idades e com diferentes níveis de condicionamento físico. Atender a essas diferenças e gerar os melhores resultados, criando uma base sólida do entendimento acerca do que é o Treinamento Funcional e de com aplicá-lo é o objetivo deste livro.

Livro - Treinamento Funcional: Uma Abordagem Prática

Este livro busca responder, de forma prática e direta, e com o devido embasamento teórico, a todas as dúvidas referentes À prescrição e à realização do treinamento funcional, com por exemplo: - Qual volume ideal de treino? - Como mensurar a intensidade em uma sessão de treinamento funcional? - Quais pausas deve haver entre as séries, os exercícios e as repetições? - Quais os exercícios mais indicados para indivíduos iniciantes, intermediários e avançados? Uma leitura imprescindível a todos os profissionais de Educação Física, fisioterapeutas e demais interessados em aprofundar seus conhecimentos ou sua prática em treinamento funcional.


Espero que as dicas sejam de grande valia. Até a próxima!

segunda-feira, 19 de outubro de 2015

11:25:00

Dicas para a prática do Spinning

spinning


As aulas de pedaladas intensas são indicadas a todos que estiverem dispostos a gastar energia para manter a boa forma, desde que essa pessoa não tenha nenhuma restrição médica. Aos iniciantes, é indicado começar encarando um tempo menor para que possam adquirir um melhor condicionamento, conseguindo, assim, a disposição necessária para fazer pelo menos uma hora de exercício contínuo.

Veja dicas para a prática da atividade:

Bike: Saiba a posição correta do banco, quando o pedal está no ponto mais baixo, o joelho se flexiona a 30 graus. O guidão se mantém na altura do selim.

Alongamento: alongue sempre no início e no final do treino.

Frequência Cardíaca: É importantíssimo controlar a frequência cardíaca para medir o esforço durante o exercício. Identifique a sua zona de F.C. de treinamento e respeite-a, pois podem existir diferentes níveis de condicionamento e adaptação dentro do mesmo grupo.

O início: embora seja puxada, a modalidade não tem restrições, isso por que você pode ajustar as cargas conforme for aguentando. O bom é que você inicie com aulas de 30 minutos, três vezes por semana. Com a prática, aumente para 45 minutos e, finalmente, uma hora.

O que esperar do Spinning: os exercícios simulam diferentes percursos: plano, subida e descida. Para subir, o professor vai pedir para aumentar a carga, é importante para que não dê "trancos" no joelho. Para descer, que diminua a mesma. E pode preparar-se para levantar e sentar, isso ajuda a fortalecer o abdome.

Quanto a carga: a roda dianteira tem uma espécie de freio, que facilita ou dificulta a pedalada, e é basicamente isso que define a carga. Quanto mais apertado, mais esforço vai exigir.

Nunca pedale sem carga. Pois os giros se tornam muito rápidos e podem comprometer a articulação dos joelhos e desestabilizar o quadril. Suas chances de lesões aumentam.

Não se esqueça da garrafinha de água, durante a prática do spinning a uma maior desidratação. O recomendado é que seja ingerido 200 ml a cada 15 minutos de atividade.

Outro cuidado é com a alimentação, o ideal é se alimente bem, porém se possível uma hora antes da atividade para que se evite o mal-estar.

É importante lembrar que cada um tem o seu limite, e você não precisa pedalar tão rápido quanto seu colega ao lado.

Com informações do site Saúde e Suplementos. 

quinta-feira, 17 de setembro de 2015

10:31:00

O equilibrio em idosos

http://www.cptrainer.com.br/sites/default/files/noticias/Atividade-fisica-na-terceira-idade.jpg

Alguns exercicios facilitam o equilibrio de idosos.

O video abaixo mostra alguns exercicios para treinar essa caracteristica física e que é muito importante para idosos.


quarta-feira, 19 de agosto de 2015

17:33:00

Alongamento e exercícios práticos para fazer em casa!

terça-feira, 11 de agosto de 2015

10:09:00

Conheça as 7 modalidades do slakcline


https://trapeziosemrede.files.wordpress.com/2013/01/gibbon-slackline.jpg

O slakcline, esporte que envolve andar e se equilibrar em cima de uma fita apropriada, cresce cada vez mais no Brasil. O sucesso não é à toa, além de ser muito divertido, a atividade também melhora o equilíbrio, postura, a concentração, aumenta a força e diminuir o estresse.

Veja as sete modalidades que são divididas o slackline:

Slackline. A fita é montada em curtas distancias entre 05 e 10 metros. O praticante se equilibra sobre o Slack com diferentes tensões. Essa diferença na tensão e comprimento permite diversas possibilidades de execução.

Trickline. Tem como objetivo a execução de manobras de equilíbrio dinâmico. São utilizadas fitas colocadas a partir de 60 cm de altura que dão a impulsão necessária para realizar as manobras. Permite a realização de manobras de saltos e equilíbrio extremo, exigindo bastante preparo físico e treino.

Longline. Realizada perto do chão, objetivo é desafiar distâncias cada vez maiores, de 20 metros no mínimo utilizando fitas tubulares especificas de 25 mm. Caso contrário, a fita não terá o balanço tão admirado pelos praticantes desta modalidade.

Highline. A modalidade mais radical do Slackline, com travessias feitas acima de 5 metros de altura em locais como prédios e montanhas. Recomenda-se que o atleta possua além de uma experiência em slackline avançada, conhecimentos de escalada e domínio dos equipamentos.

Waterline. É a pratica sobre as águas, piscinas, rios ou praias. É definida como a mais descontraída das modalidades uma vez que não se utilizam quase cabos de aço devido suas quedas não oferecem riscos. Permite a realização de manobras.

Baseline. Restrita somente ao público pára-quedista trata-se de uma variação do highline, porém sem o cinto de segurança com alças para as pernas (baudrier). O praticante se equipa com o paraquedas nas costas e caso caia da fita o mesmo é acionado.

Shortline. Trata-se da modalidade mais segura, já que a fita é colocada em nível baixo e com as ancoragens próximas. Além disso, é a mais indicada para iniciantes, juntamente com o Trickline por não exigir maiores esforços e habilidades especificas em relação às outras modalidades.

terça-feira, 14 de julho de 2015

14:42:00

Fitness Aquático: Um Guia Completo Para Profissionais

Livro - Fitness Aquático: Um Guia Completo Para Profissionais

Clique aqui para ter mais informações

Com o objetivo de tornar o estudo e o treinamento mais acessíveis, a obra apresenta explicações dinâmicas sobre conceitos modernos da ciência do exercício, da anatomia e da fisiologia aplicadas a exercícios, informações atuais sobre a hidroginástica deep-water e shallow-water, os componentes do condicionamento físico, as técnicas para aulas em grupo, além de padrões e diretrizes da renomada organização educacional Aquatic Exercise Association (AEA), uma instituição sem fins lucrativos comprometida com o avanço mundial do condicionamento físico aquático.

Trata-se de uma obra indispensável na elaboração e condução de programas de exercícios de uma maneira segura, eficiente e divertida.

Clique aqui para ter mais informações

segunda-feira, 13 de julho de 2015

09:37:00

Benefícios da prática do boxe

http://www.trainingcenter.com.br/academia-em-sorocaba/aulas/images/boxe-em-sorocaba.jpg

O boxe é uma das atividades mais completas, pois, além de trabalhar a definição do corpo e o condicionamento, também ajuda na concentração, na coordenação, no humor, na autoestima e no raciocínio.

A prática do boxe traz vários benefícios para os praticantes. Para o caso específico do boxe, os resultados podem ser observados sob vários aspectos:

Melhora no condicionamento físico

O fato da aula de boxe ser tão puxada faz com que o aluno melhore seu condicionamento cada vez mais. Correr e pular corda são dois dos principais exercícios do boxe quando o assunto é queimar calorias e ganhar resistência.

Desenvolvimento da musculatura

Ao praticar boxe, o aluno também será submetido a treinos de explosão e impacto, como socar os sacos de areia. Este tipo de exercício fortalece a musculatura dos ombros, peito, costas e braços. Os resultados são visíveis a partir de 12 semanas de treino, desde que praticado com regularidade. Para as mulheres que têm medo de perder as formas femininas, não há motivo para se preocupar, pois estes movimentos definem a musculatura e a deixam mais bonita, sem ganho de massa ou perda da feminilidade.

Emagrecimento

Durante uma aula de boxe de 1 hora e 30 minutos, um aluno pode perder entre 800 e 1000 calorias. Junte a isso uma dieta balanceada e você verá resultados impressionantes para perder peso. Quando o assunto é emagrecimento, a prática regular do boxe vem atraindo cada vez mais mulheres que querem manter um corpo sarado o ano inteiro.

 
Melhora nos níveis de estresse

Ao treinar boxe, toda a raiva e frustração de uma pessoa pode ser expelida. Ao socar um saco de areia, pode-se imaginar que o alvo são todas as preocupações do dia-a-dia e assim, deixar todo o estresse acumulado ao longo do dia dentro da academia. São muitos os relatos de pessoas que tiveram suas vidas mudadas totalmente por causa da prática do boxe.


Melhora na auto-estima

Com todos os benefícios apontados anteriormente, a auto-estima é melhorada automaticamente. Uma pessoa que treina boxe regularmente vê as melhorias em seu corpo e na sua qualidade de vida. Sem tanto estresse e com um corpo mais malhado, a pessoa ganha mais confiança para fazer qualquer coisa.

 

terça-feira, 2 de junho de 2015

13:16:00

Coordenação motora também é trabalhado no Step


http://www.academiaflipper.com.br/wp-content/uploads/2013/04/step_capa.jpg

Lembro de uma das primeiras aulas na faculdade que tive sobre step. Era uma aula de prática de ensino então era um aluno que a aplicava para outros alunos. A aula foi ótima, mas para quem tinha coordenação boa. Para os descoordenados, a aula ficou difícil e muitos não conseguiram acompanhar. Desde então, sempre tive em mente que a aula de step, dentre outros objetivos, tinha a coordenação como característica.

Definição e ganho de massa muscular são alguns dos motivos que levam as pessoas às academias, mas mesmo assim, a perda de peso é o principal deles.

O step inclui-se no grupo das modalidades que desenvolvem a resistência cardiovascular. Trata-se de uma alternativa interessante à aeróbica, com a qual apresenta algumas semelhanças. Pratica-se com a ajuda de um pequeno banco, cuja altura varia consoante a resistência do praticante, sobre o qual são executados os exercícios. A este banco dá-se o nome de bench-step, step-training ou bench-fitness.

O step trabalha principalmente o quadril, glúteos e pernas e pode queimar até 400 calorias em 30 minutos. Você também pode intercalar o exercício com outras atividades, como caminhadas, por exemplo.

Além de auxiliar na perda de peso, também trabalha a coordenação motora. Você precisa dançar e subir nos steps simultaneamente, o que exige uma coordenação dos movimentos e equilíbrio.

A coordenação motora é uma coisa que pode ser trabahada no step e que pode ajudar as pessoas na prática de outras atividades.

terça-feira, 26 de maio de 2015

09:33:00

Exemplo de playlist perfeita para o spinning

Um dos pontos altos de uma boa aula de spinning é a música. A música traz motivação, anima e faz você superar o desafio proposto.

A seleção a seguir tem entre 20 e 30 minutos. O segredo está na quantidade de batidas por minuto (bpm), que ajudarão você a se manter focada e pedalar no ritmo e na intensidade certos. Se não curtir nossas dicas, encontre o bpm de qualquer trilha no site songbpm.com. Depois, ajuste o acento para que o joelho esteja levemente dobrado quando seu pé estiver no fundo do pedal. Então, é só começar.

Trilha 1 (Nível 1) - bpm 100-110

Esta primeira é um aquecimento, que faz o sangue correr mais rápido pelas veias e aumenta a oxigenação dos músculos. Pedale rápido e no mesmo ritmo até que a música acabe, então...

Superstition - Stevie Wonder

 

Trilha 2 (Nível 1 ao 3) - bpm  100-110

Comece a pedalar no nível 1, mas logo mude para o 3. Agora é a hora de levantar do selim e contar até 10 bem devagar. Sente-se novamente e retorne ao nível 1. Repita o mesmo movimento de 3 a 5 vezes.

Stronger - Kanye West

 

 

Trilha 3 (Nível 2) - bpm 115

Sente-se e certifique-se de entrar no nível 2 nos primeiros 10 segundos da música. Mantenha a intensidade em toda a canção, empurrando com uma das pernas e puxando o pedal com outra. No meio do caminho, alterne o movimento das pernas: a que estava puxando, empurra, e vice-versa.

Get  Lucky - Daft Punk

 

 

Trilha 4 (Nível 3) - bpm 120

Quando a música mudar, volte a ficar em pé na bike. Você vai pedalar nessa posição por toda a canção, então escolha uma de que goste muito. Não importa o quão devagar você vá, desde que não pare de pedalar. E não esqueça: a cabeça sempre deve estar erguida.

Take California - Propellerheads

 

 

Trilha 5 (Nível 2) - bpm 140-160

Morro abaixo! Sente-se. Você deve estar bem suada agora, então aproveite 30 segundos
de recuperação. No nível 2, assim que o meio minuto acabar, pedale o mais rápido que puder por 15 segundos. Se recupere e repita o processo mais duas vezes.

Flashdance (Remix) - David Guetta

 

Trilha 6 (hora do isolamento) - bpm 95-100

Em nível 2, levante-se na bike, contraindo o abdômen. Não mexa a parte superior do corpo e conte até 30 – sem deixar de pedalar. Repita o movimento por mais 2 vezes na mesma música. Feito! Agora é o momento de alongar panturrilhas, glúteos, quadríceps e posterior da coxa.

I Wanna Be Sedated - Ramones

sexta-feira, 22 de maio de 2015

08:10:00

13 truques para acelerar a queima de calorias



--
DANI SOUTO

13 truques para acelerar a queima de calorias

Malhar não é a única maneira de despachar os quilos extras. Com pequenas mudanças, você conseguirá manter o metabolismo mais ativo e, com isso, mandar mais calorias embora

por Redação, em 14/08/2014

É fato: quanto mais velhos ficamos, mais o metabolismo, a forma como o organismo processa as calorias ingeridas, fica preguiçoso e passa a ser cada vez mais difícil perder ou manter o peso. A boa notícia é que é possível fazer o organismo funcionar mais rápido e despachar uma dose extra de calorias. A desaceleração do metabolismo com a idade está ligada ao fato de que, a partir dos 35 anos, a massa muscular, que consome mais energia que o tecido adiposo, começa a diminuir cerca de 6% a cada década e, com isso, menos calorias são queimadas e os pneuzinhos começam a se acumular.


 Suar a camisa é essencial para acelerar o metabolismo

Embora o metabolismo seja determinado geneticamente, é possível fazê-lo funcionar a nosso favor. A Sport Life de tá algumas dicas de como acelerar a queima de calorias. Confira!

1. Faça atividade física todos os dias

O único segredo para queimar gorduras e manter o metabolismo ativo é se exercitar. Não há escapatória. Vale qualquer atividade física, desde sair de casa para caminhar, limpar a casa, correr, nadar, levantar pesos. Todas as dicas que se seguem não vão funcionar se você não começar a se mexer e a mudar de vida. Reserve, no mínimo, 45 minutos por dia para malhar. Outra dica fundamental. Faça um trabalho de força. Músculo consome mais energia (calorias) que gordura.

2. Sofra e sue a camisa

Não tem ninguém que não se beneficie da prática de atividade física. A endorfina, liberada ao se realizar exercício, ajuda a afastar o estresse e a ansiedade e gera algo parecido à sensação de felicidade, mas se você treina apenas na chamada "zona de conforto", deixa de queimar calorias eficientemente. Você deve intercalar "bons" (treinos em intensidades leves a moderadas) e "maus" momentos (treinos em alta intensidade), mas, claro, sem exagerar, pois excessos podem provocar lesões.

3.Tome café da manhã todos os dias

Comer ativa o metabolismo, principalmente depois do jejum prolongado de uma noite de sono. Se você tomar café da manhã na primeira meia hora depois de acordar, gastará mais calorias ao longo de todo o dia. Com um gesto tão simples como comer, você dá ao corpo tudo o que ele precisa para se restabelecer depois do jejum noturno, além de ter menos fome ao longo do dia. Ao manter constantes os níveis de glicose e insulina, você fica mais capaz de resistir a delícias ultracalóricas, como bolos ou um salgadinho. Estudos demonstraram que pessoas que tomam o café da manhã diariamente não só mantêm um peso estável com o passar dos anos como também tendem a viver mais anos e são mais saudáveis do que aquelas que não comem nada ao se levantar.

Foto: Shutterstock

4. Inclua gorduras na sua dieta

Estudo publicado na revista Cell Metabolism mostrou que a introdução de gorduras saudáveis na dieta resulta em níveis mais equilibrados de açúcar e colesterol. Parece fundamental adicionar à dieta uma quantidade adequada de gordura para ativar as enzimas do fígado implicadas no metabolismo – a gordura de reserva não é suficiente para isso. Mas sem abusar, claro.
Outro estudo, italiano, publicado no Journal of Clinical Endocrinology and Metabolism, demonstrou que mais calorias são queimadas ao se ingerir alimentos ricos em proteínas e pobres em gorduras. Embora isso pareça contradizer o ponto anterior, o que se verificou foi que, com um número equivalente de calorias, os alimentos ricos em proteínas e carboidratos provocam maior gasto calórico (termogênese) do que os alimentos ricos em gordura. Esse fato pode explicar por que algumas pessoas engordam apesar de comerem pequenas refeições, mas com alimentos ricos em gordura (pizza, chocolates, etc).

Foto: Shutterstock

5. Beba chá

Chá contém cafeína e flavonoides antioxidantes, que cuidam da saúde e ajudam a queimar as gorduras extras. O chá vermelho, por exemplo, ou pu-erh, é conhecido pelas suas extensas propriedades: ajuda a emagrecer, regula o colesterol, ativa o metabolismo do fígado, alivia a ressaca e aumenta a diurese. Ele é conhecido como a carnitina dos chás, porque parece "liberar" as gorduras armazenadas para serem queimadas nas mitocôndrias, quando é necessária energia durante o exercício físico. Já o chá verde também tem cafeína e antioxidantes, como as catequinas. É também utilizado para diminuir o apetite e aumentar o metabolismo basal. Tome quatro xícaras ao dia. Sem açúcar, obviamente.

6. Treine em jejum

Funciona se for bem feito, mas não se deve abusar dessa prática. A ideia é treinar logo de manhã, completamente em jejum, ou seja, sem ter comido nada desde a noite do dia anterior. O objetivo é obter energia a partir das gorduras de reserva, uma vez que não há glicose nem glicogênio muscular disponíveis para manter a atividade. Se você abusar da prática,  ela deixa de funcionar. Também não funciona se você passa tanta fome que toma um café da manhã "duplo" depois de treinar. Você também não pode adotar essa estratégia de um dia para o outro. Comece comendo uma banana antes de ir treinar, depois reduza para metade dela e coma a outra metade no café da manhã pós-treino e, finalmente, não coma nada. Tenha o cuidado de apostar em exercícios aeróbios de baixa/média intensidade.

7. Não passe fome

Esqueça as dietas ultrarrestritivas. Elas não funcionam no longo prazo e não lhe dão a energia para que consiga realizar uma atividade física, a única forma de manter o metabolismo ativo e de queimar gordura. Para emagrecer, é preciso gastar mais calorias do que as ingeridas. Ao comer, também se gasta energia para absorver, transportar, armazenar e metabolizar os alimentos. O chamado "efeito termogênico" dos alimentos aumenta o metabolismo entre 8% e 16% nas duas a três horas pós-refeição. O metabolismo trabalha a seu favor. Portanto, se você não comer o necessário, acabará por reduzir os seus próprios gastos, ou seja, você entra numa espécie de "modo sobrevivência", poupando energia em vez de gastá-la. Sempre prefira queimar mais a ingerir de menos. Por isso, quando começar o seu plano de emagrecimento, mantenha uma ingestão ligeiramente abaixo do normal, eliminando apenas os excessos e retirando mais alimentos apenas quando o progresso estancar.

Pule da cama e vá treinar! (Foto: Thinkstock/Getty Images)

8. Petisque com inteligência

Fazer seis a sete refeições por dia ajuda a manter o metabolismo ativo. Além disso, assegura um aporte de energia, vitaminas e minerais correto e equilibrado. Além das três refeições principais, faça lanches leves no meio da manhã e da tarde e também antes de dormir, sempre com alimentos hipocalóricos e ricos em fibra, como bolachas integrais, queijo fresco, iogurtes, frutas, entre outros, para aproveitar o seu conteúdo em vitaminas e minerais e completar a sua alimentação. Ficar muitas horas sem comer faz com que o corpo se poupe e guarde energia, ou seja, o metabolismo fica mais preguiçoso.

9. Controle (e não elimine totalmente) os carboidratos

A tentação mais óbvia costuma ser cortar cereais, pão, batata e massas. Mas saiba que o resultado é ainda mais direto: perda de energia, falta de força para treinar, mau humor. Os carboidratos são cruciais ao metabolismo, pois dão a energia para os treinos que, claro, você pretende que sejam duros e que queimem muitas calorias. Comece por definir o que está comendo nesse momento. Por exemplo, dois pães por dia, arroz no almoço e no jantar (tente definir a quantidade em colheres de sopa), três porções de fruta, cereais ao café da manhã etc. Nas primeiras duas semanas, reduza as quantidades nos dias em que não treinar, por exemplo, coma menos três colheres de sopa de arroz ou uma batata a menos no almoço ou no jantar. Depois, troque um dos sanduíches por um lanche só de proteína: ovo cozido, queijo fresco com uma torrada integral só para matar a gula. E vá cortando gradualmente sempre e apenas quando o progresso estancar.

10. O poder dos lácteos

Estudos demonstraram que pessoas que ingerem três porções de lácteos (leite, queijo ou iogurte) por dia podem perder mais peso do que aquelas que não os ingerem. A explicação parece estar no fato de os produtos lácteos serem fonte de proteínas, vitamina D e cálcio, um combinado perfeito para acelerar a combustão das gorduras. Prefira leite desnatado, iogurte 0% de gordura e queijo light.

11. Mude o seu treino

Se você sempre faz o mesmo treino, com o tempo o seu corpo se acostuma ao esforço, queimando cada vez menos calorias. Por isso, para emagrecer, você deve apostar num plano de treino com exigência progressiva e variar o tipo de esforço. Faça exercício aeróbio pelo menos três vezes por semana. Se já segue essa rotina, comece a fazer pelo menos uma sessão semanal de intervalado.

12. Adoce com canela

Estudos realizados sobre canela demonstraram que basta ingerir 1 g de canela por dia (1/4 de uma colher de chá) para diminuir em até 30% os níveis de glicose, colesterol e gorduras no sangue. Para as pessoas com diabetes tipo 2, a canela contém componentes que aumentam a sensibilidade à insulina e o metabolismo energético em cerca de 20 vezes. E ainda tem a vantagem de ter apenas 3 calorias por grama.

13. Alimente os seus músculos

A massa magra sempre é sacrificada nos regimes de emagrecimento. Saiba que a proteína pode ser a peça-chave para controlar a vontade de atacar um doce e o apetite e também para manter a massa muscular. Inclua uma fonte proteica de alto valor biológico em todas as refeições. E se quer fazer um jantar leve, por exemplo, só uma sopa, não deixe de acrescentar sempre uma fonte proteica a ela: queijo fresco ou ovo cozido.
 
Fonte

terça-feira, 12 de maio de 2015

10:43:00

Exercicios para usar a medicine ball no treinamento funcional

Não pense que uma bola medicinal serve apenas para deixar os abdominais mais difíceis. 

Além do peso extra, as bolas medicinais absorvem o impacto, obrigando-a a usar mais força para seguir com o movimento. Essa é uma ótima ferramenta para desenvolver a força do core, diz Jessi Kneeland, personal trainer de Nova York, nos EUA.

O circuito ao lado, criado por Jessi, queima gordura e foca na definição do seu abdômen. Exercícios explosivos, como o agachamento com lançamento, demandam mais do metabolismo do que aqueles tradicionais, com uma barra ou halter, diz Jessi.

Como são poucas repetições, você pode dar o máximo em cada uma. As pessoas tendem a diminuir a intensidade quando sabem que farão inúmeras execuções, o que reduz a eficiência do treino.

Faça oito repetições de cada exercício, seguindo direto para o seguinte com um pequeno descanso ou sem nenhum entre eles. Pare por 30 segundos e repita o circuito mais cinco vezes.



Segure a bola com as duas mãos acima da cabeça, com os braços estendidos (a). Mantenha as costas eretas e o core contraído. Pise com o pé esquerdo à frente do corpo e dobre os dois joelhos em um movimento de avanço (b).

Faça força no calcanhar esquerdo para ficar em pé e, em seguida, coloque o pé direito à frente do corpo em novo avanço. Isso é 1 repetição.



Segure a bola com as duas mãos na altura do peito, cotovelos flexionados e pés afastados na largura dos ombros. Agache, encaixando os quadris para trás, até que os joelhos formem o ângulo de 90° (a).

Em um único movimento, pressione os calcanhares para ficar em pé e lance a bola acima da cabeça (b). Agarre-a e, imediatamente, abaixe-se para iniciar a próxima repetição.



Fique em pé com a lateral esquerda do corpo a 1 m da parede. Segure a bola com as duas mãos próximas ao lado direito do quadril (a).

Mantendo os braços esticados e o core contraído, transporte a bola pela frente do corpo, na altura do peito, e jogue-a na parede enquanto gira sobre o pé direito (b). Isso é 1 repetição. Volte à posição inicial e faça todas as repetições. Depois, realize o mesmo para o outro lado.




Segure a bola com as duas mãos acima da cabeça e com os braços estendidos. Pés afastados na largura dos ombros e joelhos levemente flexionados (a).

Contraia o core, leve os braços estendidos para baixo e atire a bola no solo o mais forte que conseguir (b). Isso é 1 repetição.

Vi no M de Mulher e gostei.



08:50:00

Menos conversa na academia, mais ação

http://static.wixstatic.com/media/6307e8_a97341a4f5214598a9e02736903b71d9.jpg_srz_4400_2933_85_22_0.50_1.20_0.00_jpg_srz

Muita gente pode não enteder o porquê de se respeitar todos aqueles segundos de intervalo na musculação. às vezes, no corre corre do dia a dia, pode-se achar perda de tempo. Mas não é! 

Embora seja um aspecto do treino de musculação pouco observado e avaliado nas academias, a pausa (intervalo de descanso) que os praticantes fazem entre uma série de exercícios e outra n musculação é importante.  A maioria dos indivíduos que praticam musculação não controla muito bem essa pausa. Muitos fazem uma série e depois ficam conversando com amigos, nem se dão conta de que já se passaram três, quatro, cinco minutos até o início da próxima série… E será que faz diferença o tempo de pausa?

Vários estudos dizem que sim. Em consequência ao tempo de recuperação, há maior ou menor liberação dois importantes hormônios durante o treino: o GH (hormônio do crescimento) e a Testosterona. O GH exerce um efeito mais potente na queima da gordura, enquanto a testosterona atua principalmente no aumento da massa muscular. Em outras palavras, dependendo da duração da pausa, você pode estimular mais o ganho de massa muscular ou da queima de gordura.

Um estudo recente investigou a liberação de GH em homens já experientes em treino de musculação para diferentes tipos de pausa entre as séries: 60, 90 ou 120 segundos. Para resumir, a pausa de 60 segundos foi a mais impactante para a liberação de GH, mais do que triplicando a sua concentração até 30 minutos após o treino. Já a pausa de 120 segundos foi a que mais estimulou a liberação de testosterona. E a pausa de 90 segundos? Apresentou boa liberação de GH (porém inferior a de 60 segundos) e testosterona (menos do que a de 120 segundos) e mostrou ser um intervalo intermediário para quem busca ganho de massa muscular e emagrecimento.

Então, é importante prestar atenção nessa pausa, principalmente se há objetivos a serem cumprido. Esse exemplo acima é apenas uma variável que demonstra o quanto essa etapa do treinamento. Portanto, menos conversa é mais resultado!

Com ajuda daqui

 

terça-feira, 7 de abril de 2015

15:23:00

6 benefícios do Jump

http://www.swimex.com.br/wp-content/uploads/2013/11/aula-jump.jpg

Trabalhar o equilíbrio, a coordenação motora e perder muitas calorias com uma aula divertida e dançante é a proposta das aulas de jump. Porém, nem sempre é fácil manter o ritmo a aula inteira. Além de ter um bom preparo físico, a coordenação motora é parte essencial nessa modalidade.

Os exercícios praticados no minitrampolim melhoram o condicionamento físico, aumentam o equilíbrio e a coordenação motora, ajudam a emagrecer e tonificam os músculos.

Se você ainda não é adepto do jump, a gente mostra seis motivos para você começar a dar seus pulos também. Olha só!

1. Tenha mais pique
O jump é um exercício aeróbio, por isso, aumenta o seu condicionamento físico e melhora o funcionamento do seu sistema cardiorrespiratório, o que garante mais energia para todo o dia.

2. Queime gorduras
O Power Jump é uma modalidade de alto gasto calórico. Em uma aula intensa é possível perder em média 700 kcal.

3. Combata a celulite
Ao dar os pulinhos, você flexiona os músculos dos membros inferiores e pressiona levemente os gânglios linfáticos da região, proporcionando uma espécie de drenagem linfática, que ativa a circulação e facilita o processo de eliminação das toxinas do organismo.

4. Fique com o corpo durinho
Os movimentos do jump ajudam a tonificar membros inferiores como coxas, panturilhas, bumbum e os músculos da região do quadril.

5. Fortaleça a musculatura
Os exercícios fortalecem a região de musculatura flexora do quadril, fundamental para proteger os joelhos e tornozelos, com imacto reduzido graças à lona elástica. O fortalecimento muscular da área do quadril contribui diretamente para a estabilidade do corpo.

6. Deixe a barriga durinha
Ao se equilibrar no minitrampolim, você fortalece a musculatura do core - conjunto de músculos abdominais e dorsais que, com os do quadril, formam o núcleo do corpo. A estrutura também é responsável pela manutenção da postura e proteção da coluna contra impactos e sobrecargas.

sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

10:32:00

Lesão anterior pode ter causado morte de surfista em yoga

yoga

O surfista brasileiro Filipe Fairich morreu ao fraturar o pescoço praticando yoga, no último sábado, em Belize, onde estava vivendo com a namorada. Encontrado desacordado dentro de casa, ele teria sofrido um acidente, fraturando o pescoço.

De acordo com a professora da modalidade Luciana Camargo, a única posição capaz de causar um acidente como o do capixaba seria a parada de cabeça, denominada Shirshasana. No entanto, ela acredita que o surfista já estava com uma lesão na região, o que poderia causar a fratura, incomum na yoga.

- Se ele estava realmente praticando yoga no momento do acidente, possivelmente a posição praticada no momento da fratura no pescoço seria um movimento de inversão. Mas não é nada comum isso acontecer, nunca tinha ouvido falar de nenhum caso antes. Se ele tivesse uma pré-disposição para isso, algo que debilitasse o pescoço, como uma lesão, uma hérnia ou uma protusão na área, seria possível causar um acidente, pois todo o peso do corpo estava em cima da cabeça. Mas se a musculatura e ossos estavam saudáveis e acostumados a suportar peso, não vejo motivo para o acidente – explica a professora.

Nas redes sociais, o clima no perfil do capixaba, que era local da praia do Arpoador, Zona Sul do Rio de Janeiro, é de comoção. Amigos e parentes ainda estão impressionados com a notícia surpreendente do acidente. Outra praia que Filipe gostava de surfar era a da Barra da Tijuca, na Zona Oeste da capital fluminense. Ele morou no Rio por alguns anos.

O ex-atleta será homenageado por surfistas, que levarão suas pranchas ao mar nesta terça-feira, na Praia do Diabo, no Arpoador, a partir das 8h. Filipe fazia parte do "Arpoador Surf Club" (ASC), uma associação de surfistas sem fins lucrativos que tem com o objetivo desenvolver eventos esportivos e culturais na região.

Matéria publicada pelo site Eu Atleta

segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015

15:10:00

3 dicas para melhorar a aula de Spinning


http://2.bp.blogspot.com/_BMhP09zeZeI/Sw6DQgAvDaI/AAAAAAAAAW4/ax9dq4UOk3U/s1600/Spinning1-main_Full.jpg

A preocupação de todo professor de Fitness (seja a aula que for) é transformá-la no mais interesante possível. As aulas de bike indoor, ou spinning como são popularmente conhecidas, são as mais oferecidas em muitas academias, devido a grande procura dos alunos. É possível perder entre 400 a 800 calorias em uma hora, dependendo da intensidade do treino, sexo, massa magra e condicionamento físico de quem pedala.

Saiba alguns aspectos que pode ajudar a incentivar os alunos nessas aulas:

Música

A musicalidade da aula de bike é um dos fatores que contribui para o grande interesse dos alunos. O profissional de educação física deve trabalhar as músicas de acordo com as estratégias de treino, tornando a montagem das aulas um exercício com infinitas possibilidades. Outro fator motivacional é a participação do professor no treino. Dessa forma, o aluno se sente encorajado.

Estratégias de treino

  Oaluno de bike indoor também está procurando por resultados. E para tornar o treino mais eficaz,  deve haver mistura de aulas com maior e menor intensidade, somando as diferentes estratégias de treino (contínuo e intervalado) garante um alto gasto calórico, melhora o condicionamento cardiovascular e ainda previne o excesso de treinamento (overtraining).

Vocabulário adequado

 O profissional deve entender também um pouco de ciclismo outdoor para montar seu roteiro de aula. Como ja disse acima, a participação do professor no treino encoraja o aluno.

Um dos motivos da popularidade é que são aulas acessíveis a diferentes níveis de condicionamento físico e faixa etária. E ainda é possível perder entre 400 a 800 calorias em uma hora, dependendo da intensidade do treino, sexo, massa magra e condicionamento físico de quem pedala. Boa sorte!

quinta-feira, 22 de janeiro de 2015

17:37:00

Sabendo mais sobre a aula de Step

http://originalfitness.com.br/wp-content/uploads/2013/01/class_step.jpg

A aula de Step sempre foi uma das atividades mais procuradas das academias porque tem como principal objetivo o condicionamento cardiorrespiratório e também o fortalecimento das pernas e dos glúteos, fazendo com que a procura por essa modalidade de ginástica fosse uma coqueluche há 20 anos.

A modalidade tem algumas características próprias como a altura do step que é de 15 centimetros. A altura ideal para cada aluno é quando, apoiado um pé em cima do step e outro no chão, a perna que está em cima esteja com o joelho em uma flexão de 90° e na altura do quadril.

Uma coisa que não se deve fazer é usar movimentos que desçam de frente do step ou que subam de costas, o primeiro para não lesar os joelhos e o segundo, para evitar quedas. Não escolher músicas com mais de 136 BPMs porque quanto mais rápida é a música, menor a técnica empregada e maior o risco de lesão.

A escolha do set list da aula tem a função de criar sincronia no grupo, parâmetros de qualidade e de quantidade e motivação. É importante que ela tenha a velocidade ideal que permita que os movimentos sejam feitos numa cadência adequada, com amplitude de movimento e que desperte o desejo de se movimentar.

As técnicas são aplicadas de acordo com o público que faz as aulas. Assim, para um público iniciante, o esqueleto e a pirâmide são métodos mais adequados e que podem ser usados também por alunos intermediários e avançados

terça-feira, 20 de janeiro de 2015

08:59:00

Video: Benefícios da Musculação

https://maissaudetb.files.wordpress.com/2014/10/image-2.jpg 

A musculação é, hoje, uma das atividades mais recomendadas pelos profissionais da saúde para qualquer pessoa, pelo fato de ser uma atividade altamente versátil, podendo ser direcionada para os mais variados objetivos, sejam eles emagrecer, aumentar ou definir a musculatura, como também, prevenir lesões e até tratá-las.

Adequando as cargas e as intensidades dos exercícios para cada pessoa, com base na idade, peso, sexo e histórico em atividade física, não há muitas restrições para a prática da musculação.

quinta-feira, 15 de janeiro de 2015

11:14:00

Mexa o seu corpo e ative seu cérebro




Você já pensou no que acontece em seu corpo quando você se exercita? Pois é, mover o corpo ajuda também a "ativar" o cérebro. Durante o exercício, acontecem inúmeras adaptações fisiológicas e reações químicas em nosso corpo na tentativa de entrar em homeostase, ou seja, em equilíbrio. O exercício tira a zona de conforto do corpo, que tenta se adaptar em todo momento àquela nova situação. Dependendo da intensidade, do volume e do método utilizado, as adaptações serão diferentes.
Basicamente, o exercício físico gera a liberação da endorfina, o hormônio responsável pela sensação de prazer – e é por isso que costumamos dizer que a prática esportiva vicia. Também proporciona melhora do condicionamento físico e a sensação de estar bem. Ver os resultados desejados no corpo eleva a autoestima e estimula as pessoas a trabalharem para melhorar. Além disso, praticar exercício físico gera melhor oxigenação cerebral e faz com que o cérebro saia do estado de apatia.

O exdrcício ajuda as pessoas que têm problemas de depressão, pois todas as adaptações no corpo vão gerar uma melhora na parte física e mental.

terça-feira, 13 de janeiro de 2015

17:29:00

Benefícios do zumba para o corpo

 
  • Os benefícios da Zumba

     

Para quem pretende entrar em forma ainda neste verão, esse exercício com cara de brincadeira cai como uma "luva", principalmente para aqueles que fogem da rotina de treinos tradicionais e repetitivos das academias. As aulas são uma mistura de ginástica com movimentos de dança embalados por ritmos latinos.

Algumas pessoas podem pensar que Zumba é apenas mais um programa de exercícios exagerado. No entanto, é um exercício dançante criada na Colômbia há alguns anos, que rapidamente conquistou o público a partir de 2001, tornando-se uma das atividades favoritas das francesas.

O modelo padrão de uma aula de Zumba são durante 45 minutos a 1 hora, um professor ultra-dinâmico lhe oferece sequências curtas de dança, acompanhadas  de músicas inspiradas nas danças latinas como salsa, merengue, samba, mambo e por aí vai. O rebolado é a base da dança latina, e, portanto, do Zumba. Os outros movimentos principais são saltos e giros. Para encerrar, as aulas de Zumba sempre terminam com alguns minutos de alongamento.

segunda-feira, 5 de janeiro de 2015

09:57:00

Sue Lasmar ganha título de corpo mais perfeito dos Estados Unidos

Sue Lasmar - Diva Fitness (Foto: Salomon Surraca / MF Models Assessoria)

 

Sue Lasmar tem vários títulos: Diva Fitness, que recebeu de um campeonato nos Estados Unidos; Musa da Web, de um jornal de esporte brasileiro; agora ganha mais um: Gata do corpo mais perfeito dos Estados Unidos, dado por Ronnie Coleman, recordista com oito títulos do Mr. Olímpia. O fortão até chamou a fisiculturista para ser garota propaganda de uma marca de suplementos.

São mais de 220 mil seguidores no Instagram. A brasileira também é figura fácil nas revistas americanas. Sue nunca usou anabolizantes, o corpaço foi conquistado com muita malhação e reeducação alimentar. Ela atualmente vive em Las Vegas, e estará no Brasil em fevereiro de 2015.

Ronnie Coleman ( Divulgação internet )

Fonte: Cena Pop - Virgula
09:51:00

Tecnologia orientando os usuários

Foto: Divulgação.

 

Primeiro, eram capazes de medir o que fazíamos, agora nos dizem o que temos que fazer. Este ano, relógios e pulseiras que medem passos, o pulso, as calorias queimadas e outros dados foram as novidades da tecnologia usável.

Pulseiras e relógios inteligentes acompanham cada dia mais os amantes da tecnologia. Alguns chegaram a pendurar nas coleiras dos cães medalhões que informam quando os bichinhos estão dormindo demais ou correndo pouco. Dados coletados por sensores nesses aparelhos são transmitidos para tablets e celulares, cujos aplicativos analisam as atividades de humanos e animais de estimação em função do que deveria ser uma vida saudável.

Esse movimento incipiente do "Eu Quantificado", popularizado este ano, receberá um novo impulso em 2015 com a venda do futuro relógio da Apple, simplesmente batizado de Watch. "Costumamos nos encantar um pouco mais com as coisas que cuidam de nós mesmos", avaliou o analista Rob Enderle, da empresa Enderle Group, do Vale do Silício, na Califórnia.

Sensores instalados em acessórios usados no nosso dia a dia permitem acompanhar atividades diárias que são, em seguida, analisadas por computadores em centros de dados on-line, que um dia poderão ser capazes de se antecipar às necessidades das pessoas. Analistas da indústria afirmam que muitas das pessoas que compram pulseiras "fitness" costumam deixá-las de lado meses depois, talvez porque com o tempo ter um aparelho que informe que deram 7.589 passos por dia deixe de ser tão emocionante.

"Os consumidores não se interessam tanto por rastrear seus dados", disse J.P. Gownder, analista da Forrester. "O que querem é informação sobre como ter uma vida melhor", continuou.

Futuro informatizado

Quando o usuário acessa pelo telefone seus e-mails, calendário ou serviços de geolocalização, os servidores da internet colocam este "Eu Quantificado" no contexto, calculando o que agrada a alguém quando está em determinado local, em determinada hora do dia. "No final desta década, estaremos falando com todos os equipamentos conectados a nós e eles estarão respondendo", previu Enderle.

"Agora, se você quiser se casar com esta tecnologia é outra coisa e depende do seu estado mental", acrescentou. A brincadeira do analista foi uma referência ao filme "Her" (Ela), em que Joaquin Phoenix interpreta o personagem de um futuro não muito distante que se apaixona por um sensual sistema operacional que utiliza em seus dispositivos eletrônicos.

Os aplicativos que realmente vão se destacar no campo da tecnologia serão aqueles que forem além da medição de atividades fisiológicas e conseguirem fornecer informações com assistentes pessoais que se conectem pela internet a controles de objetos como luzes, aparelhos de TV e termostatos, exemplificou o analista Ben Arnold, da companhia NPD Group.

"Imagine que são 9h da manhã e estou dizendo a um amigo que estou com vontade de comer churrasco na hora do almoço", disse Arnold. "Depois, ao meio-dia, meu relógio inteligente sabe que é hora de comer e recomenda uma churrascaria próxima porque ouviu a conversa pela manhã. Esse é o objetivo", continuou.

A Google poderia alcançar essa meta com seu projeto Deep Mind, dedicado a conseguir com que as máquinas pensem como os humanos, disse o especialista. Além disso, o software Google Now está projetado para antecipar o que os usuários de dispositivos móveis Android podem querer fazer, como por exemplo notar que alguém tem um e-mail com a confirmação de um novo e, depois, recomendar a hora de sair para o aeroporto, em função do tráfego naquela hora.

O Apple tem seu assistente virtual Siri para iPhones, enquanto a Microsoft desenvolveu o Cortana para ajudar os usuários de aparelhos equipados com o sistema Windows.

Pulseiras de fitness

A curto prazo, a pressão do mercado estará concentrada em acessórios inteligentes com as pulseiras FitBit e UP, pioneiras no conceito do "Eu Quantificado", que rastreiam os passos, o sono, a comida ingerida e as calorias consumidas.

"Estamos em um momento de grande destruição criativa", disse Gownder com relação a esta tendência. "Oitenta por cento do que vemos hoje em dia provavelmente fracassará de alguma forma. E tudo bem".

Uma pesquisa da Forrester revelou que o interesse por usar sensores, particularmente no pulso, aumentou notavelmente no ano passado. Titãs como Samsung, Sony, LG, Motorola e Microsoft já lançaram seus relógios inteligentes. Suas capacidades vão além do controle de atividades físicas e permitem fazer ligações, ler e-mails, tirar fotos e interagir com os aplicativos dos aparelhos.

Espera-se que o lançamento do Apple Watch, no ano que vem, impulsione os relógios inteligentes ao campo da cultura dominante, graças ao poder de atração da marca com sede na Califórnia. "Cada vez que a Apple se mete, o mercado muda radicalmente. A maré cresce e, provavelmente, elevará todos os outros barcos", disse Arnold.

Depois das pulseiras, a tendência seguinte deve ser os óculos inteligentes, como quer o projeto Google Glass. "É o passo lógico seguinte, mas não estou certo de que o mundo esteja pronto para isto", acrescentou o especialista. [Da AFP]

Fonte: Mundo Bite
facebook

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Arquivo do blog