Curso online de Musculação do Iniciante ao Avançado

quarta-feira, 2 de agosto de 2017

Diferença entre o Pilates Clínico e o Pilates Fitness






Os benefícios do Pilates não é novidade para quem acessa esse blog. Já foi discutido em dezenas de outros posts. Os exercícios de pilates conseguem fortalecer pernas, braços, costas e ombros com um único tipo de movimento. Os idosos e pacientes em reabilitação também podem apostar no método para recuperar a força e precisão dos músculos, eliminar dores e corrigir a postura.

Por causa desses objetivos, existem duas modalidades de pilates: Clínico e Fitness.

O pilates clínico visa à reeducação postural. É realizado através de exercícios específicos elaborados para estimular a musculatura que sustenta a coluna, não causando impacto nas articulações. Esse método proporciona melhora na postura, força muscular, flexibilidade, respiração, coordenação motora e equilíbrio. Porém, antes de iniciar um programa, é importante que seja realizada uma avaliação minuciosa para que a prescrição dos exercícios atenda às necessidades individuais. As sessões duram em torno de 60 minutos e são ministradas por um fisioterapeuta.

Já o Pilates Fitness é indicada para quem deseja conquistar um abdômen definido, um corpo firme e não gosta de academias. Antes de iniciar as aulas é feita uma avaliação para identificar se o aluno possui algum problema de saúde. Depois, começamos com os exercícios funcionais para aumentar a resistência do corpo. Nesse tipo, certos exercícios precisam de condicionamento físico para que sejam realizados e por isso alguns podem ser contraindicados. É caracterizado por exercícios para emagrecer, tonificar e fortalecer todo o corpo.

Para entender melhor o Pilates Clínico, preciso falar da Coletânea de Pilates Clinico. Você conhece os exercícios certos para tratar casos clínicos com Pilates?  Tenha em mãos conhecimentos específicos para casos clínicos complexos. Clique aqui e saiba mais!


Até a próxima!


Comente:


Nenhum comentário:

facebook