Curso online de Musculação do Iniciante ao Avançado

quinta-feira, 25 de outubro de 2018

7 dicas matadoras para a Hipertrofia Muscular






A hipertrofia muscular é simplesmente uma resposta do organismo aos estímulos de exercícios físicos. Com o aumento da tensão e do esforço gerados no tecido do músculo, há um crescimento da massa muscular. A musculação não é a única forma de proporcionar essa hipertrofia, mas é a alternativa mais eficiente.

Há dois tipos de hipertrofia muscular: a tensional e a metabólica. A hipertrofia tensional acontece quando a prática de exercícios causa lesão nas células musculares. Durante o descanso do corpo, elas se recuperam e aumentam de diâmetro com a síntese das proteínas. Já a hipertrofia metabólica é resultado de um estresse bioquímico causado nessas células, que aumenta a reserva de energia e, consequentemente, o tamanho do tecido. Esse estresse tem origem na aceleração do metabolismo, que por sua vez tem causa em uma exigência maior do corpo pelos exercícios mais intensos.

Veja 7 dicas matadoras para gerar a desejada hipertrofia muscular.

1. Faça um treino intenso: não confunda treino intenso com treino pesado. Você pode estar com um haltere de 2 kg em cada mão e ter um treino intenso; você pode ter uma barra com 50 kg e ainda assim não atingir uma boa intensidade. Não é o peso que importa, mas sim a execução correta do exercício aliada a pequenos intervalos de descanso;

2. Respeite os seus limites: um iniciante não consegue fazer agachamento com vários quilos de cada lado. É importante iniciar aos poucos, testando e entendendo como o seu corpo funciona, de modo a evitar lesões e gerar bons resultados;

3. Varie seus treinos: não importa se você não gosta de treinar costas ou se você adora fazer supino reto. Você precisa treinar todos os grupos musculares e precisa variar a forma como faz isso, ou seu corpo não responderá da forma que deseja;

4. Ajuste sua postura: dores musculares são completamente normais durante e após treinos intensos, no entanto outras dores indicam que algo está errado, e geralmente o erro está na postura. Certifique-se de manter o abdômen firme e contraído durante a execução dos movimentos;

5. Varie sua dieta: comer batata doce e frango é legal, mas a combinação enjoa quando é ingerida diariamente. Para conseguir a desejada hipertrofia muscular, você deve variar a dieta, testando novos pratos e sabores, ou não obterá todos os nutrientes necessários;

6. Concentre-se no movimento: entrou na academia? Esqueça-se dos problemas pessoais e profissionais. Esse é o momento de se concentrar nos movimentos que realiza, tendo plena consciência das fases concêntrica e excêntrica. Sinta seus músculos trabalhando;

7. Descanse adequadamente: o sono deve ser sagrado para quem quer obter hipertrofia muscular. É nesse período que o organismo vai reparar as células que foram lesionadas durante o treino de musculação, levando-as a um aumento de volume.

Obter hipertrofia muscular não é tão difícil quanto parece em um primeiro momento. Entender a fisiologia do corpo humano e dos exercícios que realiza na academia é essencial para ter bons resultados, mas há fatores como dieta e descanso que também não devem ser negligenciados nesse processo.

Conheça o Curso Hipertrofia de A a Z, um curso completo para o Personal Trainer que quer se diferenciar no mercado. É um verdadeiro manual passo a passo que ensina a prescrição de treinamentos de alta eficiência para o ganho de massa muscular.



Comente:


Nenhum comentário:

facebook

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *