Curso online de Musculação do Iniciante ao Avançado

quarta-feira, 21 de novembro de 2018

Hiit para Emagrecimento e seus cuidados!





Muitas pessoas se dedicam aos exercícios aeróbios de longa duração e baixa intensidade achando que essa é a melhor estratégia para eliminar a famosa gordura corporal.  Porém, estudos apontam que que exercícios intervalados de baixo volume e grande intensidade tem uma maior eficiência no que diz respeito ao emagrecimento. Um dos principais métodos utilizados na atualidade é o HIIT, que nada mas é do que exercícios de curta a moderada duração (10s a 5min) realizados em intensidades superiores ao limiar anaeróbio e seguidos de pausas passivas ou ativas.

Sabe-se que a realização de atividades aeróbias de intensidade moderada aumenta a mobilização de gorduras no momento do exercício, porém, atividades de alta intensidade, mobilizam mais ainda esse substrato no período pós-exercício (ALKAHTANI et al. 2013) é por isso, que o treinamento intervalado de alta intensidade (HIIT) se tornou um dos métodos de treino mais aplicados no que diz respeito ao emagrecimento, devido a economia de tempo e por conseguirmos atingir nossos objetivos de forma mais rápida, eficiente e duradoura.

A literatura evidencia que o HIIT, exerce melhorias sobre inúmeras variáveis fisiológica. Onde este treinamento induz o corpo a alterações metabólicas e de desempenho que se sobressaem em relação ao treinamento aeróbio tradicional (LITTLE et al. 2010; GIBALA et al. 2012; HEYDARI, FREUND & BOUTCHER, 2012; KEATING et al. 2014; ZWESLOOT et al., 2014).

Com isso, a intensidade ganhou muito mais força na prescrição dos treinamentos, ganhando um espaço que era predominantemente dos exercícios aeróbicos de baixa intensidade. Hoje é muito comum encontrarmos pessoas que buscam emagrecer e investem na musculação, no Crossfit ou nos aeróbicos de alta intensidade, como é o caso do HIIT.

O HIIT proporciona benefícios em vários aspectos; Emagrecimento; Melhoria na composição corporal; Aumento e ganho na Potência aeróbia máxima; além de ser uma ótima opção para a prevenção e tratamento da SM (Síndrome Metabólica).

Mas será que qualquer pessoa pode fazer uma aula de HIIT? Há grande polêmica devido a frequência cardíaca ficar entre 85% e a máxima, por quase não haver descanso e pelo alto impacto das atividades. Portanto, o ideal é que haja uma avaliação médica prévia, tanto do ponto de vista cardiovascular quanto do ortopédico,

Antes de sair por ai, realizando qualquer coisa de grande intensidade achando que esta fazendo HIIT, procure se aprofundar nos protocolos de treinamento ou procure um profissional de educação física, para que assim, você possa praticar um treinamento seguro e eficiente. A preocupação com problemas ortopédicos como tendinites, sobrecarga articular, lesões musculares, deve ser prioridade na adoção desta metodologia. O HIIT pode ser adotado desde que sejam respeitados estes critérios, e principalmente o programa seja ajustado individualmente em termos de intensidade, tipos de exercício e sob supervisão de profissional competente

Conheça o Workshop "Emagrecimento e Estética Feminina: Aplicações do HIIT" voltado a Profissionais de Educação Física e Estudantes. Saiba mais clicando aqui!


Comente:


Nenhum comentário:

facebook

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *